• Clara Padilha

Diuréticos no MMA e jiu-jitsu de competição: o que o CD do esporte deve saber?

Por Alan G. Nascimento (@bm_alandentista)

Pós-graduando em Odontologia do Esporte, IOA Style

Membro Aspirante da Academia Brasileira de Odontologia do Esporte - ABROE



Para quem treina e compete no Jiu-jitsu ou Mixed Martial Arts (MMA) tanto no nível amador quanto no profissional, sabe: uma das piores coisas durante toda a fase da periodização é a checagem de peso pré luta, em específico, o “baixar peso” ou “corte de peso”. Já é rotina competir em categorias que exigem peso mais baixo que o do atleta.



O “baixar peso” ou “corte de peso” é um método que lutadores de MMA ou Jiu-Jitsu usam para perder cerca de 7 kg em menos de um dia.  A maioria desses atletas controla o próprio peso durante as semanas de treinamento, mas nos últimos dias eles são obrigados a atingir o peso limite permitido para disputar determinada categoria.


Para atingir este objetivo, a primeira coisa que deixam de ingerir são carboidratos. Com isso, o corpo gasta a reserva energética estocada na forma de glicogênio muscular e espera-se que também perca água associada a essa complexa molécula - para cada grama de glicogênio, o corpo armazena de 3 a 4 gramas de água.


Em seguida, preparam o corpo tomando muita água durante vários dias, de 9 a 12 litros diários e deixam de fazê-lo um dia antes da pesagem final para a luta.



Durante as 24 horas prévias ao momento da pesagem, não bebem nem comem absolutamente nada. A partir desse momento, dá-se início à fase de expulsão - nada mais pode entrar no organismo. Também é preciso reduzir o consumo de sal, uma vez que o corpo tende a reter líquido com sódio.


O processo é perigoso podendo ser, inclusive, fatal, uma vez que prevê uma perda acelerada de peso por desidratação extrema, há lutadores que passam por isso de três a quatro vezes por ano, dependendo do que o corpo é capaz de suportar. Existe um histórico de falecimentos envolvidos com esta prática: Um atleta brasileiro faleceu no dia da pesagem, após sofrer um infarto quando estava na sauna, tendo ingerido diuréticos ao tentar perder 15 quilos em uma semana. Em 2015, o lutador chinês de 21 anos, Yang Jian Bing faleceu devido a falência pulmonar. Em 2017, um dos grandes astros do MMA mundial, o russo Khabib Nurmagomedov foi hospitalizado na véspera da pesagem e ficou fora do 209º Ultimate Fighting Championship (UFC), por problemas no processo de desidratação.


Os diuréticos, amplamente utilizados pelos atletas durante esse processo são medicamentos que atuam nos rins aumentando o volume da excreção de urina.


Também promovem a eliminação de eletrólitos como o sódio, o potássio e o cloro. Entretanto, o uso excessivo destes medicamentos pode desencadear alguns efeitos colaterais, no qual destacamos a perda de potássio (que pode causar câimbras e até atrapalhar os treinos e competição), perda de apetite, náuseas, vômitos, tontura, desidratação e diminuição do volume sanguíneo (VARELLA, 2009).


Quando consideramos a parte odontológica, clinicamente falando, é comum atletas apresentarem quadro de erosão dentária, caracterizado pelo desgaste do esmalte dos dentes provocado pelo contato excessivo com substâncias ácidas (NEVILLE, 2009), provocada pela frequência de vômitos devido a presença de ácidos endógenos provenientes do estômago; lesões cervicais não cariosas (LCNC) por fatores extrínsecos (dieta, medicação); fatores intrínsecos (reflexo gastroesofágico) (GARONE FILHO; SILVA, 2008).


Além destas consequências, por ocorrer a desidratação, as glândulas salivares diminuem a produção de saliva. Quando ocorre queda expressiva ou interrupção na produção de saliva, o atleta pode apresentar um quadro clínico de hipossalivação ou hipossialia, que pode também estar associado à xerostomia (sensação de boca seca)(REGEZI; SCIUBBA, 2000).


Em relação ao doping, a categoria de Diuréticos representa o quadro S.5 da WADA (World Anti Doping Agency), de Substâncias proibidas em todos os momentos - “at all times” (WADA, 2020), pois, além de serem usados para perder peso, também mascaram ou dificultam a pesquisa do uso de substâncias dopantes.


Um dos medicamentos mais comuns do grupo dos diuréticos é a FUROSEMIDA, também conhecido pelo nome comercial de Lasix, sendo que é recomendado que seu uso seja cauteloso para atletas diabéticos (estase gástrica – dificuldade de esvaziamento gástrico), hipertensos e atletas alérgicos ao anestésico Procaína, pois pode acarretar uma sensibilidade cruzada.


Sendo assim, a anamnese de um atleta deve ser totalmente diferenciada de uma pessoa física normal. Conhecer dos medicamentos, ações e efeitos colaterais é de suma importância para o bem do atleta. Negligenciar ou não ter o conhecimento adequado pode gerar graves danos à vida esportiva e bucal de seu paciente.


Saber sua periodização de treinos, periodização alimentar pré e pós competição é primordial para um diagnóstico preciso e acompanhamento adequado, favorecendo assim a transdisciplinaridade entre as áreas médicas, nutricional, física e odontológica.





Referências:


BBC. O perigoso método usado por lutadores de MMA para perder 7 kg em um dia. BBC NEWS, BRASIL, 2017. Disponível em https://www.bbc.com/portuguese/internacional-39280340 . Acesso em 20/01/2020.


Consulta remédios. Bula do furosemida. consultaremedios.com, 2020. Disponível em https://consultaremedios.com.br/furosemida/bula . Acesso em 22/02/2020


Novamed Fabricação de produtos farmacêuticos ltda. BROMOPRIDA – “Medicamento Genérico, Lei n°. 9787, de 1999”. ANVISA, 2014.


PADILHA, Clara. Drogas e Doping para Dentistas. Clarapadilha.com.br, 2020. Disponível em https://www.clarapadilha.com.br/post/drogas-e-doping-para-dentistas . Acesso em 05/03/2020.


GARONE FILHO, Wilson; SILVA, Valquiria Abreu e; GARONE, Flávia Palmas. Lesões não cariosas: o novo desafio da odontologia. [S.l: s.n.], 2008.


VARELLA, Drauzio.O que são diuréticos. Drauziovarella.uol.com.br, 2009. Disponível em https://drauziovarella.uol.com.br/nefrologia/o-que-sao-diureticos/. Acesso em 03/03/2020.


VARELLA, Drauzio. Efeitos colaterais dos medicamentos para hipertensão. DRAUZIOVARELLA.UOL.COM.BR, 2009. Disponível em https://drauziovarella.uol.com.br/doencas-cronicas/hipertensao/efeitos-colaterais-dos-medicamentos-para-hipertensao/ . Acesso em 03/03/2020


Torres CP, Chinelatti MA, Gomes-Silva JM, Rizóli FA, Oliveira MA, Palma-Dibb RG, Borsatto MC. Surface and subsurface erosion of primary enamel by acid beverages over time. Braz Dent J. 2010, 21(4):337-45.


Regezi AJ, Sciubba JJ. Doenças das glândulas salivares In: Regezi AJ, Sciubba JJ. Patologia bucal: Correlações clínicopatológicas. 3ª ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan; 2000. 195-243.


WADA-AMA. World Anti-Doping Agency. Wada, Antidoping. 2020. wada-ama.org. Disponível em https://www.wada-ama.org/sites/default/files/resources/files/wada_2020_portuguese_prohibited_list.pdf. Acessado em 05/03/2020.


COMBATE.COM. Lutador Chinês de 21 anos morre após problemas com corte de peso. SporTV.globo.com, 2015. Disponível em http://sportv.globo.com/site/combate/noticia/2015/12/lutador-chines-de-21-anos-morre-apos-problemas-com-corte-de-peso.html. Acessado em 05/03/2020


RODRIGUES, Evelyn. Khabib é hospitalizado horas antes da pesagem e está fora do UFC 209. Sportv.globo.com, 2017. Disponível em http://sportv.globo.com/site/combate/noticia/2017/03/khabib-e-hospitalizado-horas-antes-da-pesagem-e-esta-fora-do-ufc-209.html. Acessado em 05/03/2020

Quer aprender mais sobre doping?


Acesse nosso e-book e aprenda tudo sobre doping e suas conexões com a Odontologia!



38 visualizações

Quer ficar por dentro das novidades?

Se cadastra aqui: 

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon

Balneário Camboriú - SC

(47) 9 9158 3050